top of page

Acolhidos da Fazenda da Paz realizaram provas do Encceja no último domingo, 27.

Atualizado: 30 de ago. de 2023

O Encceja tem como principal objetivo construir uma referência nacional de educação para jovens e adultos por meio da avaliação de competências, habilidades e saberes adquiridos no processo escolar ou nos processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais, entre outros.


“A participação dos acolhidos da Fazenda da Paz na prova do Encceja (Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos) desempenha um papel fundamental no processo de reintegração social e na construção de um futuro mais promissor. O Encceja é uma oportunidade valiosa para esses indivíduos retomarem seus estudos e alcançarem a certificação de conclusão do ensino fundamental e médio”, afirma Eneida Lustosa – Presidente da Fazenda da Paz.


A Fazenda da Paz, como instituição que se dedica à recuperação e reintegração de pessoas em situação de vulnerabilidade compreende a importância de oferecer oportunidades educacionais para seus acolhidos. Ao participar do Encceja, os acolhidos têm a chance de não apenas obter um documento que atesta sua escolaridade, mas também de adquirir conhecimentos que podem ser cruciais para a sua reintegração na sociedade.


“Além disso, a conquista da certificação por meio do Encceja pode abrir portas para os acolhidos no mercado de trabalho e em futuros estudos. Muitas vezes, a falta desse documento pode ser um obstáculo para a obtenção de empregos dignos e para o acesso a outras oportunidades educacionais. Ao realizar a prova e obter a certificação, os acolhidos da Fazenda da Paz aumentam suas chances de construir uma vida melhor para si mesmos e suas famílias”, conclui Eneida.


O exame é realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisar Educacionais Anísio Teixeira (Inep) em colaboração com as secretarias estaduais e municipais de Educação. Já a emissão do certificado e da declaração de proficiência é responsabilidade das secretárias de Educação e dos institutos federais de educação, ciência e tecnologia que firmam Termo de Adesão com o Encceja.



“Ao estudar para o Encceja, redescobri o prazer do aprendizado, a alegria de desafiar minha mente e a satisfação de ver meu esforço se traduzindo em conhecimento. Cada página virada, cada conceito compreendido, era uma vitória pessoal, um passo em direção a um futuro melhor”, finaliza o acolhido Daniel Avelino da Silva.




10 visualizações
bottom of page