top of page

Centro de Reinserção qualifica acolhidos da CT Manancial da Vida

Atualizado: 30 de ago. de 2023



A Fazenda da Paz em parceria com a Cendrogas e Governo do Estado, realizaram nesta segunda-feira (11), a solenidade de encerramento do curso de Doces e Salgados, desenvolvido pelo Centro de Reinserção Padre Pedro Balzi com acolhidos da Comunidade Terapêutica Manancial da Vida.


O Centro de Reinserção é um projeto que tem o objetivo de capacitar os egressos de comunidade Terapêuticas e seus familiares em situação de vulnerabilidade social objetivando a inserção/reinserção ao mercado de trabalho. A execução é financiada pelo Governo do Estado através da Cendrogas e conta com o apoio da Federação Nacional de Comunidades Terapêuticas (FENACT).


A pedagoga do Centro, Luciana Dias, participou da solenidade representando toda a equipe técnica do projeto, onde na oportunidade falou sobre o que foi abordado durante o curso.

“No curso trabalhamos a empregabilidade, a formação do currículo, ética, CLT e vários outros temas que ele vai encontrar no decorrer da vida dele em relação ao mercado de trabalho após o tratamento”, citou Luciana.


Sâmio Falcão, coordenador-geral de Enfrentamento às Drogas do Piauí, agradeceu o empenho dos acolhidos da Comunidade Terapêutica e da felicidade dessa oportunidade que os acolhidos terão quando forem em busca de um emprego.


“O curso tem a importância de buscar qualificar os acolhidos para que eles possam sair do tratamento com uma qualificação profissional e terem a oportunidade de serem reinseridos no mercado. Para com isso buscarmos diminuir o número da recaída no mundo das drogas”, disse Sâmio.


A turma do curso teve a participação de 40 acolhidos, tendo carga horária de 60h, duração de um mês e, as aulas foram ministradas pela profissional em doces e salgados, Lana Santos.


Para o Missionário Ranyeri Nascimento, diretor da CT que foi fundada em 2011 e que realiza o acolhimento de 50 pessoas no tratamento da dependência química do público adulto masculino, a qualificação é algo necessário na vida de quem vence o mundo das drogas.


“Queremos com esta oportunidade proporcionar o futuro, que eles possam ter um meio de recomeçar, pois o verdadeiro foco do curso é eles terem um norte de como atuarem no mercado de trabalho após o termino do tratamento e assim ser feita a reinserção”, finalizou Rannyeri.


Participaram também da solenidade, o presidente da FENACT, Célio Barbosa, o Coordenador Geral da Cendrogas, Sâmio Falcão, a secretária adjunta da comissão de Políticas Públicas Sobre Drogas da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, Cíntia Virgínia Machado, além de representante do CRAS.

9 visualizações
bottom of page