top of page

Centro de Reinserção qualifica acolhidos da CT Manancial da Vida

Atualizado: 30 de ago. de 2023



A Fazenda da Paz em parceria com a Cendrogas e Governo do Estado, realizaram nesta segunda-feira (11), a solenidade de encerramento do curso de Doces e Salgados, desenvolvido pelo Centro de Reinserção Padre Pedro Balzi com acolhidos da Comunidade Terapêutica Manancial da Vida.


O Centro de Reinserção é um projeto que tem o objetivo de capacitar os egressos de comunidade Terapêuticas e seus familiares em situação de vulnerabilidade social objetivando a inserção/reinserção ao mercado de trabalho. A execução é financiada pelo Governo do Estado através da Cendrogas e conta com o apoio da Federação Nacional de Comunidades Terapêuticas (FENACT).


A pedagoga do Centro, Luciana Dias, participou da solenidade representando toda a equipe técnica do projeto, onde na oportunidade falou sobre o que foi abordado durante o curso.

“No curso trabalhamos a empregabilidade, a formação do currículo, ética, CLT e vários outros temas que ele vai encontrar no decorrer da vida dele em relação ao mercado de trabalho após o tratamento”, citou Luciana.


Sâmio Falcão, coordenador-geral de Enfrentamento às Drogas do Piauí, agradeceu o empenho dos acolhidos da Comunidade Terapêutica e da felicidade dessa oportunidade que os acolhidos terão quando forem em busca de um emprego.


“O curso tem a importância de buscar qualificar os acolhidos para que eles possam sair do tratamento com uma qualificação profissional e terem a oportunidade de serem reinseridos no mercado. Para com isso buscarmos diminuir o número da recaída no mundo das drogas”, disse Sâmio.


A turma do curso teve a participação de 40 acolhidos, tendo carga horária de 60h, duração de um mês e, as aulas foram ministradas pela profissional em doces e salgados, Lana Santos.


Para o Missionário Ranyeri Nascimento, diretor da CT que foi fundada em 2011 e que realiza o acolhimento de 50 pessoas no tratamento da dependência química do público adulto masculino, a qualificação é algo necessário na vida de quem vence o mundo das drogas.


“Queremos com esta oportunidade proporcionar o futuro, que eles possam ter um meio de recomeçar, pois o verdadeiro foco do curso é eles terem um norte de como atuarem no mercado de trabalho após o termino do tratamento e assim ser feita a reinserção”, finalizou Rannyeri.


Participaram também da solenidade, o presidente da FENACT, Célio Barbosa, o Coordenador Geral da Cendrogas, Sâmio Falcão, a secretária adjunta da comissão de Políticas Públicas Sobre Drogas da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí, Cíntia Virgínia Machado, além de representante do CRAS.

11 visualizações

Comentários


bottom of page